Juiz de Fora-MG  -  terça, 22 de agosto de 2017  

Roteiro D




Atrativos do Roteiro D.Atrativos do Roteiro D.

Roteiro Turístico com as três principais construções realizadas por Bernardo Mascarenhas em Juiz de Fora, e que ajudaram a cidade a se tornar pioneira em vários setores.

Museu da Usina de Marmelos Zero

Usina de Marmelos.Usina de Marmelos.Idealização de Bernardo Mascarenhas, a usina forneceu iluminação pública à cidade, antes alimentada á gás. Juiz de Fora foi à primeira cidade da América do Sul a ter uma usina hidroelétrica, o que lhe valeu a condecoração de “Farol do Continente”. O acervo do Museu é composto por peças como a mesa particular de Mascarenhas, livros de ata e contabilidade dos primeiros acionistas da CME, contas de luz, rascunho da planta da Usina, máquina de escrever e de calcular entre outros.

Localização: Estrada União Indústria Km 182 - Retiro.
Visitação: Diariamente das 08:00 às 17:00. Visitas monitoradas por acadêmicos da UFJF podem ser agendadas de segunda a sexta-feira, através do Centro de Ciências da UFJF no telefone (32) 3229-7606.


Antigo edifício da CME - Companhia Mineira de Eletricidade

Fachada do Castelinho. Fachada do Castelinho. Conhecido como Castelinho, o antigo edifício da Companhia Mineira de Eletricidade foi construído em 1890 quando da inauguração do motor elétrico que iria ser colocado na fábrica da Cia. Têxtil Bernardo Mascarenhas como força propulsora.

A construção foi feita pela firma Pantaleone Arcuri e Spinelli que cuidou também da construção do anexo inaugurado em 1920. Nos fundos do edifício, funcionou a oficina de manutenção e construção dos bondes de Juiz de Fora. Atualmente no local funciona uma agencia da Cemig.

Localização: Rua Espírito Santo, 467 - Centro.


Centro Cultural Bernardo Mascarenhas

Fachada da Antiga Fábrica de Bernardo Mascarenhas.Fachada da Antiga Fábrica de Bernardo Mascarenhas.Sede da antiga fábrica Têxtil de Bernardo Mascarenhas, que foi inaugurada em 1898, e dispunha do primeiro motor elétrico usado na América do Sul, símbolo do pioneirismo industrial, a antiga fábrica fechada em 1984, foi, graças à mobilização de artistas, escritores e jornalistas, transformada, em 1987, em um amplo centro cultural.

Localização: Av. Getúlio Vargas, 200 - Centro - Tel: (32) 3690-7051 e (32) 3690-7052
Visitação: Terça a sexta, das 09h às 21h e aos sábados e domingos, das 10h às 16h.

 

 


voltar
Compartilhe: