Juiz de Fora-MG  -  domingo, 22 de outubro de 2017  

Viagens longas com crianças




Criança lendo um livroCriança lendo um livro

Viagens longas causam desconforto, tédio e desgaste nas crianças, mas se não houver outro jeito, faça paradas a cada duas ou três horas. Vencer a estrada rápido para curtir o destino por mais tempo não é boa ideia quando há crianças no carro.


O mais importante durante o percurso é manter as crianças distraídas. Veja alguns jogos que podem ser feitos durante o percurso.

Jogo das letras

Escolha qualquer letra do alfabeto. Depois peça às crianças que encontrem três palavras (como marca de carro, comida e nome de animal) com a letra em questão. Quem disser as palavras mais rápido ganha o direito de escolher quem vai definir a letra e os assuntos para a próxima rodada.

Jogo da contagem

Uma sugestão para as crianças que já sabem os números é pedir para que elas contem os animais vistos ao longo do percurso ou outros elementos como orelhões ou carros de uma determinada cor.

CDs e livros

A dica serve não apenas para a viagem propriamente dita, mas também para ser usada durante a estada no destino. Leve um ou dois dos brinquedos prediletos da criança, um ou dois livros, CDs, revistinhas de atividades, um caderno de desenho e canetinhas. Não ofereça tudo ao mesmo tempo, vá liberando aos poucos para que elas não se desinteressem logo.

Alimentação

Para garantir uma alimentação saudável ao longo da viagem, leve frutas, água, suco e barras de cereal. Você não sabe que tipo de restaurantes ou lanchonetes vai encontrar no caminho.

Amigos

Viajar com amigos ou parentes com filhos mais ou menos da mesma idade é uma boa idéia. Em turma, as crianças se divertem mais e demandam menos dos adultos.

Documentos

Em viagens domésticas, basta levar o documento de identidade e a carteira de motorista dos adultos e uma cópia autenticada da certidão de nascimento de cada criança.

Equipamento

Para viagens com bebês não é necessário levar objetos que normalmente se usa em casa. Para substituí-los, use o bom senso e seja prático. Você pode usar uma panela no lugar de esterilizador de mamadeira e uma piscininha inflável no lugar da banheira.

Farmácia

Leve sempre antitérmico, analgésico, anti-séptico, termômetro, pomada para picadas, curativo, repelente e filtro solar.

Rotina

Rotinas muito rígidas de alimentação e sono dificilmente se mantêm na estrada. Excitação e novidade fazem com que as crianças fiquem acordadas além da hora, praia e carro as cansam facilmente e elas dormem antes do tempo. Não se estresse tentando fazê-las seguir a rotina que elas têm em casa.

Revisão do carro

Antes de colocar a família no carro, verifique motor, bateria, pneus (incluindo o estepe), rodas, freios, suspensão, lâmpadas, limpadores de pára-brisa, água, óleo, macaco, chave de roda e pisca-alerta. Veja ainda se a documentação do carro e o seguro estão em dias.

Segurança

A maneira certa de transportar crianças de até um ano ou 9 kg, no carro é em cadeirinhas apropriadas, instaladas de costas para o movimento (para evitar o efeito causado na cabeça pelo impacto frontal). Crianças de 9 kg a 18 kg devem ser transportadas na cadeirinha, instalada de frente para o movimento. De 18 kg a 36 kg, devem ir sentadas sobre um suporte de elevação, para que o cinto de segurança passe nos lugares corretos do corpo (no centro do ombro e não no pescoço, nos quadris e não no estômago). As travas das portas devem estar ativadas e as janelas, ficar quase totalmente fechadas.

Telefones úteis

Leve os do pediatra, da seguradora do carro, da central de atendimento do plano de saúde e dos parentes mais próximos.

Vacinas

Veja quais as vacinas aconselháveis de acordo com os locais de destino. Antes de viajar, ligue para o pediatra e peça orientação sobre como agir em situações previsíveis de acordo com o destino: dor de ouvido causada pela água do mar, problemas intestinais por causa de mudança na alimentação, etc. Aproveite para verificar se a criança está com as vacinas em dia. Se a visita regular ao dentista estiver próxima, agende para antes da viagem.

Preparando as malas

Sempre que possível, permita que as crianças ajudem a fazer as malas, assegurando-se que elas levem ao menos uma muda de roupa em sua própria bagagem de mão. Coloque uma ou duas pequenas surpresas na bagagem (um brinquedo novo, livros, jogos). Além disso, leve sempre pílulas para enjoo bem como sua caixinha de remédios.

 

 


voltar
Compartilhe: